Pão caseirinho: aprenda a fazer esta delícia

Pão caseirinho: aprenda a fazer esta delícia

pão caseirinho

Pão caseirinho: aprenda a fazer esta delícia

O pão caseirinho é uma versão menor do caseiro tradicional, que leva ovos, leite integral em pó, açúcar, manteiga ou margarina, e que fica bem macio, dourado, podendo ser moldado de diferentes formas.

Seja como rolinho, semelhante ao pão francês de sal, ou em bolinhas, bisnaguinhas (retangulares) ou “gominhos” (pequenas bolas de massa fermentada assadas juntas). Pincelar ovos sobre a superfície também ajuda a deixá-los mais dourados, brilhantes e apetitosos.

É uma receita bastante simples, saborosa e que vende bem, especialmente se estiver fresquinho. Além disso, dura mais devido aos ingredientes da massa e à maior umidade de sua composição.

Acompanhe conosco as dicas e a receita.

Um pouco de teoria

Primeiramente, vamos entender por que o pão caseirinho faz tanto sucesso, aprendendo um pouco sobre a função de cada ingrediente na panificação!

O leite

Ele adicionando umidade à massa, contribui para a maciez e suculência dos produtos, mantendo-os frescos por mais tempo. Além disso, o leite oferece um sabor suave e rico, melhorando a qualidade sensorial de pães e bolos.

Sua composição nutricional, incluindo proteínas, gorduras, vitaminas e minerais, enriquece os produtos de panificação.

A presença de lactose contribui para a caramelização da superfície (reação de Maillard), proporcionando uma cor dourada e sabor característicos.

As proteínas do leite desempenham um papel na estrutura da massa, afetando a textura e elasticidade do pão.

Sua forma em pó, é uma maneira de adicionar estas características também, sem desequilibrar o nível de hidratação da massa.

Manteiga, Margarina e outras gorduras

A manteiga, a margarina e as gorduras desempenham papéis cruciais na panificação, influenciando a textura, sabor e estrutura dos produtos finais.

A manteiga, devido à sua composição de gorduras e água, contribui para a maciez e sabor, além de conferir uma textura delicada.

A margarina, uma alternativa à manteiga, é frequentemente usada por razões de custo e dietéticas e também pode oferecer maciez e sabor, embora sua composição seja geralmente mais estável.

As gorduras, em geral, adicionam umidade à massa, resultando em produtos finais mais suculentos.

Ovos

Em termos de estrutura, as proteínas dos ovos, especialmente a albumina, ajudam a fortalecer a massa, proporcionando elasticidade e firmeza ao produto assado.

Além disso, a presença de gorduras nos ovos contribui para a maciez e suavidade dos produtos de panificação.

Em relação ao sabor, os ovos acrescentam uma riqueza característica, complementando e realçando os sabores dos outros ingredientes.

A capacidade dos ovos de reter umidade também resulta em produtos finais mais úmidos e duráveis. A gema, em particular, confere cor à massa devido à presença de carotenoides. Por isto o pão fica amarelinho!

Açúcar

O açúcar desempenha diversas funções essenciais na panificação, contribuindo para o sabor, textura e cor dos produtos finais. Além de adoçar, o açúcar também fornece umidade à massa, resultando em produtos mais macios e suculentos.

Durante o processo de cozimento, o açúcar participa na caramelização, conferindo uma cor dourada à crosta do pão e desenvolvendo sabores complexos. Além disso, o açúcar ajuda a reter a umidade, prolongando a frescura dos produtos assados.

Sua interação com as proteínas da massa influencia a estrutura, contribuindo para a textura final. Por isso que pães com maiores teores de açúcar ficam mais macios e fofinhos, como é o caso do pão caseirinho.

Receita do pão caseirinho

Ingredientes

  • 500 g farinha
  • 250 ml de leite morno.
  • 1 ovo
  • 1/2 colher de sopa de sal
  • 2 colheres de sopa de leite em pó
  • 1 colher de sopa de margarina
  • 4 colheres de acúcar
  • 1 sachê de fermento biológico seco

Procedimento

  • Misture todos os ingredientes em uma tigela e amasse até obter uma massa lisa e uniforme.
  • Polvilhe farinha sobre a mesa ou unte-a com margarina para evitar que a massa grude.
  • Se desejar, utilize um rolo para ajudar a abrir a massa e deixá-la mais lisa.

Modelagens

Rolinhos

  1. Para fazer o “rolinho”, abra cada pedacinho de massa com o rolo, deixando-o como se fosse uma tira.
  2. Enrole a tira de forma que tenha no máximo 3 voltas e meia.
  3. Coloque os rolinhos em uma assadeira untada com margarina, com a dobra (costura) para baixo, o que evita que se abram durante a fermentação.
  4. Mantenha um espaçamento de pelo menos 4 cm entre eles para evitar que os rolinhos grudem uns nos outros.
  5. Pincele ovo batido na parte superior.

Bolinhas

  1. Aqui, você não precisa abrir a massa com o rolo. Corte porções aproximadas e faça o boleamento manual para que fiquem no formato desejado.
  2. Coloque as bolinhas em uma assadeira untada com margarina e achate-as levemente.
  3. Mantenha um espaçamento de pelo menos 4 cm entre elas para evitar que uma grude na outra.
  4. Pincele o ovo batido na parte superior.
  5. Você também pode colocá-las próximas. Após fermentarem, ficarão grudadinhas, o que também é uma forma de apresentação do produto.

Bisnaguinhas

  1. Abra a massa como uma “manta” por inteiro, deixando-a bem lisa e com uma altura de 1,5 cm.
  2. Corte-a em retângulos iguais.
  3. Coloque os retângulos em uma assadeira untada com margarina.
  4. Mantenha um espaçamento de pelo menos 4 cm entre eles para evitar que grudem uns nos outros.
  5. Pincele o ovo batido na parte superior.
  6. Você também pode posicioná-los próximos. Após fermentarem, ficarão grudadinhoas, o que é outra uma forma de apresentação do produto.

Fermentação

Deixe fermentar até que dobrem de tamanho. O tempo de fermentação variará de acordo com as condições ambientais. Em dias muito quentes, será bem rápido. Fique de olho.

Forno

Leve ao forno pré-aquecido a 160°C até que cresçam e fiquem douradas por cima. O tempo variará de acordo com o forno utilizado. Em seguida, retire e deixe esfriar antes de degustar seu pãozinho.

Conclusão

Em conclusão, o pão caseirinho ofere uma infinidade de possibilidades em termos de formas, texturas e sabores. Sua versatilidade é um convite à criatividade.

Ao utilizar ingredientes que enriquecem a receita como leite, ovos, manteiga ou margarina de maneira estratégica, conseguimos não apenas moldar a estrutura e textura desejadas, mas também aprimorar o sabor, resultando em produtos irresistíveis.

Agora se você está pensando em fazer aquele café ou chá da tarde, que tal preparar também os bolinhos de chuva? Clique aqui e confira a receita no nosso artigo e as possibilidades.

Fornos de Panificação
Tags:
Blog Comments

Por favor fiquei com dúvidas do fermento é seco ou fresco..adorei a receita. Muito
SUCESSO a vocês ..Feliz 2024🙏😁

Bom dia, Eurides. Se for fazer em casa em menor quantidade, utilize o fermento seco biolótico em sachê de 10 gramas que já vem na quantidade correta. O fermento fresco vem em tabletes e você precisará utilizar rapidamente o restante em outras receitas.
Veja outros conteúdos que podem ser do seu interesse:
https://blog.praticabr.com/pao-de-centeio-receita/
https://blog.praticabr.com/pao-tipo-caseiro/
https://blog.praticabr.com/pao-australiano-saiba-como-oferecer-essa-tendencia-na-sua-padaria/
Agradecemos pela visita e continue acompanhando nosso Blog Prática!

Deixe um comentário

error: Content is protected !!