Conheça três dicas essenciais para a produção e venda de Brownies

  • Home
  • Panificação
  • Conheça três dicas essenciais para a produção e venda de Brownies
Conheça três dicas essenciais para a produção e venda de Brownies

O famoso brownie já ganhou diversas variações criativas no Brasil, porém, os princípios de sua produção permanecem basicamente os mesmos. Ele já caiu no gosto do povo e é um doce apreciado até pelos menos simpatizantes de doce, por ter opções com chocolates mais puxados para o amargo ou meio amargo, ficando perfeito quando combinado com opções mais doces, como sorvetes.

Se ele será mais cremoso ou mais fofinho é uma questão de gosto — seu e do cliente — e isso dependerá da alteração de parâmetros básicos.

Sabendo de todo esse potencial de consumo, e consequentemente de venda, vamos ajudar você a fazer um produto perfeito. Então continue lendo e confira nossas dicas para resolver alguns problemas comuns e ainda melhorar a qualidade do seu brownie.

1. Sobre dos ingredientes

Açúcar

Vamos começar com o mais importante. A escolha do açúcar é um ponto crítico, por isso, pese e adicione-o individualmente e utilize os demais ingredientes para não desequilibrar a receita.

Caso o uso seja exagerado, seu produto ficará com textura quase que de uma bala, com sua superfície e suas laterais ressecadas e com sabor enjoativo. É essencial fugir disso para fazer um brownie gostoso, com gostinho de quero mais.

Uma dica é utilizar uma parte de demerara ou de mascavo, para dar mais sabor e umidade.

Cacau

Esse é um dos segredos, como não possui açúcar e nem gorduras, esse ingrediente mágico não desequilibra a receita e confere sabor, aroma e cor intensos.

Embora seja caro, a porcentagem utilizada é menor e o impacto significativo, lembrando que a versão alcalina deixa o resultado final mais escuro e atraente.

Chocolate

É preciso ficar muito atento à qualidade, seja utilizando em pó, em gotas ou em lascas, que irão ao final da receita.

Os com teor menor de cacau e ricos em gordura, açúcar ou aditivos não gerarão um bom resultado. Por isso, de preferência ao amargo ou meio amargo, pois a receita já leva mais açúcar e gorduras.

Achocolatados tambémsão amplamente desaconselhados porque levam muito açúcar, leite em pó, soro em pó, emulsificantes e aromatizantes.

Manteiga ou Margarina

Lembrar de utilizar sempre a opção sem sal, para não desequilibrar a receita, e manter em temperatura ambiente, para que se incorporem facilmente.

A quantidade também influenciará na textura, quanto mais tiver, mais cremoso, quanto menos adicionar, mais fofo.

Farinha

É preciso ficar atento à quantidade e tentar equilibrá-la. Excesso de farinha resultará em uma textura próxima à de bolo, já a falta, fará o brownie ficar cremoso demais, podendo ficar pesado e indigesto.

Sal

Apesar de doce, o sal realçará o sabor, ajudando a equilibrar tudo. Em geral, esse deve ser utilizado em quantidade mínima.

Aguçando o paladar

Um bom extrato de baunilha, se possível feito da fava em solução alcoólica, uma dose de café forte e amargo e especiarias como cravo em pó e canela, trazem mais aroma e sabor às receitas.

Há também as opções mais ousadas, como o licor de amêndoas, o conhaque, o uísque e o rum, dentre outros ingredientes etílicos.

Outros ingredientes

Castanhas, amêndoas e outros devem ser colocados no máximo em 40% da receita, para não pesar. É preciso também ter cuidado com os que acrescentarão mais líquido ou açúcar, para não desequilibrar ou adoçar demais o brownie.

Powered by Rock Convert

2. Sobre o processo

Batimento

Como é um produto já bem aceito e que vende muito, a demanda sempre será grande. Por isso, o mais aconselhável é o uso de batedeiras planetárias de 18 ou 36 litros, pois são maiores e mais robustas, logo, produzem mais e sem travar.

Batedeiras menores não foram projetadas para regimes de produção intenso e contínuos, sem contar que produzir em pequenas quantidades aumenta as margens de erro e dificultam a padronização.

Disposição nas assadeiras

Essas precisam ser de uso profissional e em alumínio, que permite melhor condução de calor. Também é necessário ser no tamanho da câmara do forno, para comportar mais produtos.

É importante forrar a assadeira com papel manteiga, depois basta espalhar bem a massa e bater a assadeira sobre uma superfície sólida, para evitar que haja mais massa em um lugar do que em outros.

Na hora de retirar, o papel manteiga é seu melhor amigo, os brownies podem ser coletados com facilitade, sem deixar resíduos e tornando a higienização das assadeiras muito mais prática.

Utilizar gorduras ou margarina para untar não ajuda muito porque podem deixar o produto oleoso ou tostar suas laterais e fundo. Enfarinhar também pode ocasionar bordas altas, dando efeito de “bolo solado”.

No forno

É crucial que se pense em produtividade em primeiro lugar, se o forno é pequeno, provavelmente não conseguirá atender às vendas. É preciso que ter uma visão maior da produção e, quando a produção é exclusiva, mais ainda. Parte de se profissionalizar inclui também investir em equipamentos maiores.

Fornos turbos programáveis e modernos, como os da Prática, possuem sistema de parada de turbina no início da receita, que atendem perfeitamente à produção de brownies.

A faixa de temperatura recomendada de pré-aquecimento e de assamento é entre 170 °C e 180 °C, de 35 a 40 minutos, para que se tenha a cocção adequada em qualquer forno. Se retirado antes, provavelmente estará cru.

Um cuidado indispensável é verificar a carga máxima do forno em quilos, pois excedê-la pode fazer com que o produto demore mais para assar.

Corte

Assim que esses estiverem frios, os brownies serão retirados com cuidado da assadeira, passando a faca em água quente para deixar o corte mais preciso, sem sujeira, quebra ou migalhas.

Ultracongelamento

O ultracongelador é um equipamento que trabalha a -35°C e faz o congelamento rápido de produtos crus, prontos ou semi-prontos.

Com ele, é possível realizar a produção antecipada, ou seja, é feito o ultracongelamento e armazenamento do produto e, quando demandado, esse é apenas finalizado, embalado e vendido.  Ele pode ser congelado cru, em mangas e assadeiras, ou completamente pronto, para só descongelar e vender.

3. Sobre a divulgação

Em vez de simplesmente colocar expositores em diferentes pontos, que tal investir mais em identidade, embalagem, propaganda e visibilidade? Isso ajudará a vender muito mais e melhor!

A inovação pode começar no produto, com algum recheio ou adicional diferenciado, com a melhoria da qualidade dos ingredientes, com diferentes coberturas etc.

Também é possível chamar a atenção com embalagens bonitas, chamativas, boas para presentear, nomes diferentes e temáticos, apelos ao meio ambiente, com embalagens sustentáveis, entre muitas outras opções, a criatividade é o limite!

O ponto físico é um diferencial enorme, mesmo que pequeno. Por isso, se possível, invista em sua própria loja e chame a atenção dos clientes com uma fachada e um ambiente bonito, aconchegante e confortável.

E uma das partes mais importantes da divulgação é, de fato, divulgar, investir em redes sociais é um primeiro passo interessante, já que é um meio que quase todo mundo utiliza hoje em dia, que é mais barato para publicar seus produtos e gera um grande retorno se feito adequadamente. Que tal já embalar na empolgação de iniciar sua produção de brownies e aprender a divulgar melhor agora mesmo? Confira nossa matéria sobre como atrair seu público e aprender a fazer a divulgação em redes sociais!

Fornos de PanificaçãoPowered by Rock Convert

Facebook Comments

Blog Comments
Avatar
Responder

Luiz Fernando de Oliveira santiago

Bom dia
Gostaria de saber o tamanho para fazer a venda
Vejo 7×7 6×6 ou 5×5 vocês teriam uma ideia de tamanho fico no aguardo
Obrigado

Prática

Olá Luiz tudo joia? Entre em contato conosco no e-mail sac@praticabr.com ou no whatsapp 35 3449-1213 (ou nesse link: https://wa.me/553534491213). Nosso telefone fixo é 35 3449-1200.

Deixe um comentário