Experiência gastronômica: dicas para oferecê-la

Experiência gastronômica: dicas para oferecê-la

Experiência gastronômica

Experiência gastronômica: dicas para oferecê-la

A experiência gastronômica é um conceito que vem sendo mencionado constantemente em diversos meios que tratam do segmento de food service e ainda é associada aos restaurantes de alta gastronomia. Ela agrega valor ao produto e ao estabelecimento e contribui para fidelizar os clientes e trazer novos.

Contudo, você pode ter uma boa experiência em qualquer lugar e a qualquer momento. Ela não está reservada a uma viagem especial, a um jantar a dois ou a negócios. Você pode tê-la ao tomar um simples café em uma padaria, durante um almoço de negócios, em um lanche ou até mesmo ao receber, abrir e degustar um produto de delivery em casa. Ela faz parte da estratégia de negócios.

Por isso, preparamos um texto exclusivo para ajudá-lo a agradar, atender bem e causar um impacto positivo nos seus clientes. Leia abaixo.

Produto certo para o público certo

Os produtos oferecidos devem condizer com o público-alvo do estabelecimento. Um produto que não agrada a quem frequenta seu estabelecimento provavelmente também não contribuirá para a experiência como um todo. Por isso, observe bem, ouça, converse com seus clientes e os em potencial, anote e faça sua engenharia de cardápio com base nestes dados.

Criatividade e inovação ajudam

Se você oferecer os mesmos produtos que seu concorrente, pelos mesmos preços ou, pior ainda, por preços superiores sem agregar nenhum valor (o que é um erro), provavelmente a experiência ficará comprometida. Tente oferecer pelo menos um produto que chame a atenção ou que seja criativo. A regra é simples: observe e faça algo diferente.

Bom desenvolvimento de cardápio

Faça um desenvolvimento das receitas projetando-as para agradar o perfil dos seus clientes e surpreendê-los. Realize uma análise sensorial dos resultados. Faça testes e degustações, peça opiniões e esteja aberto para ouvi-las. Ajuste o seu produto conforme necessário. As críticas ajudarão você a alcançar novos patamares.

Experiência de Menu

Ofereça um menu degustação, onde seus clientes possam experimentar e compartilhar entre si. Além disso, inclua petiscos e acompanhamentos. Dessa forma, eles poderão ter contato com mais dos seus produtos, e você poderá surpreendê-los com a quantidade, variedade e qualidade.

Apresentação

A aparência de um produto ao servi-lo impacta diretamente na experiência gastronômica. O primeiro contato que o cliente tem com ele é visual. Por isso, tenha muito cuidado na hora de servir. Por outro lado, a decoração não pode “esconder” o produto principal. Fique atento.

Ambiente

O cliente deve se sentir confortável para aproveitar o seu produto. Mesas, assentos, balcões, iluminação, decoração, vista, paisagismo, banheiros e música ambiente devem estar de acordo com o perfil do seu público. Aqui, prestar atenção aos detalhes é fundamental. Seu cliente analisará cuidadosamente cada aspecto.

A quantidade conta

Além de bonito, seu produto também precisa ser bem servido. Nada decepciona tanto um cliente quanto uma porção menor do que a esperada, especialmente se estiverem presentes 2 ou mais pessoas. Padronize as porções de acordo com o peso. Calcule o índice de cocção e leve isso em consideração antes de preparar o prato.

Seja fiel aos ingredientes

Descreva-os detalhadamente em seu cardápio. O cliente não pode esperar a qualidade de um determinado ingrediente e receber outro diferente ou de qualidade inferior. Se você estiver sem um determinado ingrediente, é preferível removê-lo do cardápio ao invés de fazer substituições, especialmente sem o conhecimento do cliente.

Destaque o produto principal

Tente manter o equilíbrio entre os acompanhamentos e o produto principal. O destaque deve ser dado a ele, e não aos acompanhamentos. Se o prato é um filé com fritas, a quantidade de batatas não pode ser maior do que a de filé, e assim por diante. A função dos acompanhamentos é realçar o ingrediente principal e não compensar sua falta.

Fique atento à relação custo-benefício

Essa deve ser clara para o cliente. O preço em relação à quantidade, qualidade e serviço deve ser justo. Quando o valor de um produto e serviço não condiz com a realidade, a insatisfação é certa e toda a experiência gastronômica se perde. O cliente deve ficar satisfeito em pagar por um determinado produto, pois ele reconhece o valor agregado.

Aspecto preço

Não adianta ter um produto fantástico, um ambiente agradável e um serviço de primeira se o preço assustar o seu cliente. Isso pode comprometer e fazer com que todo o trabalho desenvolvido para oferecer uma experiência gastronômica de qualidade seja perdido. O cliente pode ficar satisfeito com o produto, o local e o serviço, mas ficará decepcionado com o custo.

Relação preço versus valor

Por isso, é crucial acertar no público-alvo. Valor é diferente de preço. O preço pode ser mais elevado, contanto que o público entenda e reconheça um valor no produto e serviço oferecidos. No entanto, independentemente disso, o preço deve ser justo em relação à experiência fornecida. Afinal, ninguém deseja pagar caro por um produto ou serviço de qualidade inferior.

O serviço

Desde a cozinha até a porta do salão, sua equipe precisa estar estruturada, preparada e motivada. Eles devem atuar em uníssono. Eles são “a cara do seu negócio” e, sem eles, não há produto nem vendas. Por isso, você precisa cuidar deles. Ao cuidar e treinar bem sua equipe, você está cuidando de seus clientes e garantindo uma boa experiência.

Agilidade também faz parte da experiência

Tanto no preparo da cozinha quanto no salão, a agilidade é fundamental. Não importa se o cliente está em um momento de descontração, mesmo durante momentos de lazer, a rapidez do serviço é percebida. Isso é ainda mais importante se o seu cliente está, por exemplo, almoçando durante a semana. Afinal, a experiência gastronômica pode ser oferecida a qualquer momento.

Atendimento no delivery

A experiência gastronômica também se estende aos serviços de entrega. Monitore de perto o atendimento nos aplicativos e nas redes sociais, procurando sempre responder aos clientes. Um bom atendimento no delivery tem um impacto direto na percepção que os seus clientes têm do seu estabelecimento, e garante que a boa imagem do seu produto não seja prejudicada.

Fique atento à embalagem; se ela não acondicionar corretamente seu produto, é provável que ele chegue descaracterizado e tenha sua qualidade comprometida.

A experiência também nas adversidades

O pensamento de que “o cliente sempre tem razão” auxilia no lidar com reclamações. O objetivo deve ser sempre satisfazer o cliente. Se esforçar ao máximo para manter os clientes pode diferenciá-lo de possíveis concorrentes. Trocar um produto por outro ou devolver o dinheiro são algumas atitudes que contribuem para uma boa experiência, mesmo diante de problemas.

Conclusão

Em suma, a experiência gastronômica vai além da simples refeição. Envolve todos os aspectos que tornam uma experiência única e memorável. Não se trata apenas de satisfazer a fome, mas de oferecer algo que se destaque. Seja um simples pastel vendido na rua ou um jantar refinado em um restaurante no topo de um arranha-céu urbano, é possível proporcionar uma excelente experiência gastronômica em todos eles.

A atenção aos detalhes, desde o desenvolvimento dos produtos até o serviço prestado, a valorização dos ingredientes, a harmonização dos sabores, o ambiente acolhedor e o atendimento atencioso, tudo contribui.

Confira também nosso conteúdo sobre lojas com ambiente instagramável, outra dica para proporcionar momentos inesquecíveis para os clientes.

Tags:
Deixe um comentário

error: Content is protected !!