Qual tamanho de ultracongelador é o ideal para seu negócio

Qual tamanho de ultracongelador é o ideal para seu negócio

Como dimensionar o ultracongelador

Existem vários equipamentos tecnológicos que ajudam os empreendedores do ramo alimentício. Eles são utilizados amplamente na produção de alimentos, da fase de preparo até a finalização.

Um exemplo é o ultracongelador. Mas antes de adquiri-lo para o seu empreendimento, é fundamental fazer um dimensionamento correto para otimizar ainda mais as sua eficiência. Desenvolvemos este post para trazer todos os detalhes sobre como dimensionar o ultracongelador. Boa leitura!

Como dimensionar o ultracongelador?

Os ultracongeladores são equipamentos para o congelamento de diversos produtos, apresentando vários benefícios, como a conservação das propriedades das refeições, a prorrogação do seu prazo de validade, dentre outros.

Importante destacar que os ultracongeladores não são indicados para armazenamento, os produtos devem ser ultracongelados e armazenados em câmaras específicas para esse fim.

Para dimensionar o tamanho ideal para o seu negócio, você deve conhecer os cinco passos listados abaixo e seguir à risca as recomendações que serão apresentadas.

Conheça o produto que você vai usar

As características presentes em cada tipo de produto têm uma influência direta na capacidade total que poderá ser armazenada e no tempo de congelamento. Essas particularidades são:

  • gramatura: quanto menor for, mais rápido será o processo de congelamento, a quantidade sempre será a mesma conforme capacidade do equipamento;
  • largura e altura: caso o produto tenha uma grande distância entre a superfície e o seu interior, o tempo de congelamento será maior;
  • temperatura: a temperatura do alimento é mais um fator que define o tempo que será preciso para ele ser congelado. Alguns equipamentos suportam temperatura de entrada de até 83°C;
  • espaço necessário: se o produto for aderente, ele deverá manter distância dos outros;
  • embalagem: recomenda-se que sempre que possível, o alimento seja congelado sem embalagem, pois as embalagens atuam como barreiras no processo de ultracongelamento. Caso os alimentos sejam ultracongelados em potes, marmitas ou similares, que seja feito sem a tampa e que seja selado após o ultracongelamento;
  • composição: existem alguns produtos que, por conta da sua composição, demoram mais para congelar, um exemplo disso são os alimentos ricos em gorduras e água, como exemplo, sopas e molhos.

Faça o cálculo da capacidade de acordo com o tipo do produto 

Os ultracongeladores trabalham com a circulação do ar por meio da turbina. Assim, ao colocar uma grande quantidade de produtos sem espaçamento ou um sobre o outro, a eficiência do congelamento será menor.

Se o produto tiver um grande volume, não será possível colocar muitas unidades em cada bandeja do equipamento e respeitar sempre a capacidade máxima recomendada. Dependendo da situação, a utilização dessas bandejas terá que ser intercalada.

Por exemplo, grandes peças de costelas bovinas devem ser colocadas em bandejas separadas. Agora, se a mercadoria for pão francês cru não fermentado, ele poderá ser disposto em quantidades maiores e mais próximo um do outro. 

Conheça a capacidade de armazenamento do ultracongelador

É importante conhecer a capacidade de armazenamento do ultracongelador antes de adquiri-lo. Alguns dos modelos oferecidos apresentam as seguintes capacidades:

  • 5 bandejas: até 12 kg para congelamento e 27 kg para resfriamento;
  • 7 bandejas: até 15 kg para congelamento e 30 para resfriamento;
  • 14 bandejas: até 36 kg para congelamento e 60 kg para resfriamento;
  • 20 bandejas: até 65 kg para congelamento e 84 kg para resfriamento.

Após saber a capacidade do equipamento, faça o cálculo do tempo de congelamento do produto que será utilizado, multiplicado pela quantidade de quilos que será usado por operação, multiplicado também pelo número de vezes que será possível repetir esse processo em um turno de 8 horas.

Veja um exemplo disso. Uma padaria vai fazer o ultracongelamento de pães franceses em um equipamento com 14 bandejas. Considerando que cada bandeja tenha 40×60 cm, podendo estocar 40 pães franceses com 65g por bandeja.

O cálculo será feito da seguinte forma:

  • 40 x 0,065 kg (peso de cada pão convertido em kg) = 2,6 kg em cada bandeja
  • 2,6 x 14 ( quantidade de níveis do equipamento) = 36,4 kg

Assim, se a capacidade de congelamento do ultracongelador é de 36 kg por operação, isso indica que a quantidade exemplificada está dentro da capacidade do equipamento e resta apenas realizar o cálculo final, considerando que o pão francês leva em média 1 hora para congelar:

  • 8 (horas do turno) x 36,4 = 291 kg por turno

Pense no crescimento de curto e médio prazo

Muitos empreendedores que investem num ultracongelador logo necessitam de mais equipamentos ou então de um modelo maior, já que eles trazem inúmeros benefícios para o empreendimento e favorecem a expansão dos negócios.

Por conta disso, é fundamental ter em vista a quantidade de quilos ou até toneladas que será requisitada nos próximos meses para realizar um dimensionamento mais preciso.

Dimensione o ultracongelador acima da demanda

Essa é uma regra relacionada à anterior, mas também extremamente relevante. Uma vez que você calcule e adquira um equipamento para atender apenas o número exato da demanda do seu negócio, qualquer crescimento não poderá ser abrangido pelo ultracongelador, a menos que ele funcione por horas e turnos extras, resultando em mais custos de operação.

Assim, ao realizar um dimensionamento, considere o fato de que é interessante comprar um equipamento que tenha margem para suprir o possível aumento da demanda do seu empreendimento.

Cuidados relacionados à instalação do ultracongelador

As características do local onde o equipamento será instalado são fatores importantes para a escolha do modelo e do tamanho do ultracongelador. Dependendo das condições do lugar que o equipamento ficará, será preciso realizar adaptações para que o aparelho tenha o máximo de desempenho e vida útil aplicado.

As principais características físicas do local são:

  • temperatura ambiente: se a temperatura ambiente for elevada, é recomendado alocar o equipamento em uma área separada para garantir uma maior eficiência; 
  • sujidade e sujeira em suspensão: se o ultracongelador for colocado próximo a fontes gordurosas ou com muita sujeira, a sua higienização terá que ser feita periodicamente com maior frequência para evitar o acúmulo desses resíduos;
  • piso mal nivelado ou sem ralos: o equipamento deve ser instalado somente em pisos nivelados com pontos de escoamento;
  • fontes de calor: não é recomendado instalar o ultracongelador próximo a fontes de calor para que o seu funcionamento não seja prejudicado.

Conclusão

O ultracongelamento é um processo que traz muitas vantagens para o seu negócio. Contudo, você precisa saber como dimensionar o ultracongelador para garantir um bom funcionamento e otimizar a produção de alimentos no seu negócio.

Agora que você já sabe como fazer isso, acesse o site da Prática e confira os modelos disponíveis.

Deixe um comentário